Pular para o conteúdo principal

Museu das Culturas Indígenas realiza lançamento literário e promove encontro com autores

Evento de lançamento de Mar à vista – Ma’é Yyramoī, da escritora Luz Bárbara, conta com a participação de colaboradores da obra, que conta a história de amor familiar e aventuras pelo caminho peabiru;

Acervo do MCI está disponível para o público conhecer a literatura indígena

Lançamento acontece na sede do MCI. Foto: divulgação

São Paulo, novembro de 2023 – O Museu das Culturas Indígenas (MCI) realiza o evento de lançamento da obra de dramaturgia Mar à vista – Ma’é Yyramoī, da escritora Luz Bárbara, em 10 de novembro, das 10h às 12h e das 14h às 16h. Em dois encontros, o público poderá conhecer co-autores da obra e a liderança indígena que é a inspiração da narrativa. O MCI é uma instituição da Secretaria da Cultura, Economia e Indústria Criativas do Estado de São Paulo, gerida pela ACAM Portinari (Associação Cultural de Apoio ao Museu Casa de Portinari), em parceria com o Instituto Maracá e o Conselho Indígena Aty Mirim.

Luz Bárbara, Kariri, migrante da Paraíba em São Paulo, em parceria com o Clã Tupi-Guarani das Aldeias Tapirema e Tabaçu Rekó Ypy, da Terra Indígena Piaçaguera, conta a história de amor da protagonista Tatatĩdjary por sua família Tupi-Guarani e  do chamado que recebe para atravessar sozinha o caminho do peabiru — trilhas criadas pelos povos indígenas para deslocamento entre comunidades e territórios — até encontrar uma nova família.

Em dois encontros, a autora e os colaboradores da obra realizam contações de histórias, exibição do filme produzido pela comunidade da Aldeia Tabaçu Rekó Ypy inspirado no livro e venda de exemplares. Os eventos contam com a participação de Catarina Nymbopy’ruá, revisora do livro e inspiração para a protagonista; Dora Dina Cunhã Dju, co-autora da versão Tupi-Guarani; Luã Apyká, co-autor da versão Tupi-Guarani; e Luz Bárbara, autora.

Acervo de literatura indígena

O livro de Luz Bárbara entrará para o acervo do MCI, que conta com mais de 100 títulos disponíveis para consulta local do público, em esquema rotativo, no espaço multiuso, localizado no sétimo andar do Museu. Os títulos apresentam a diversidade de expressões culturais, verbais e visuais de diversos povos originários. Conheça algumas das obras disponíveis no acervo.

O saber ancestral é o tema do livro O pássaro encantado, de Eliane Potiguara, que apresenta histórias sobre costumes, memórias e ensinamentos compartilhados por uma das figuras mais importantes para os povos originários, os avós.  A mesma temática é apresentada por Daniel Munduruku, no livro Foi vovó que disse. Na obra, o autor reforça a tradição indígena de ouvir as histórias contadas pelos avós, considerados sábios por guardarem as histórias dos ancestrais.

O presente de Jaxy Jaterê, de Olívio Jekupé. Foto: MCI

O acervo do Museu também conta com a obra Quando eu caçava tatu e outros bichos, de Tiago de Oliveira Nhandewa, com contos e memórias de aventuras de meninos indígenas. Em O presente de Jaxy Jaterê, de Olívio Jekupé, conhecemos a história de Kerexu, uma indígena que conhece de Jaxy Jaterê, o protetor da floresta e tenta fazer um pedido para a entidade, por meio de um ritual na floresta com a ajuda de sua prima.  

Na obra A festa da Onça, deWilson Marques e Kássia Borges, versos rimados e bem-humorados contam a história da dona Onça, que quer fazer do Coelho o seu jantar e o convida para uma festa em sua toca.

SERVIÇO

Lançamento do livro Mar a vista – Ma’é Yyramoī
Data: 10/11/2023
Encontro 1 | 10h às 12h: Catarina Nymbopy’ruá e Dora Dina Cunhã Dju, com mediação de Luz Bárbara
Encontro 2 | 14h às 16h: Luã Apyká e Luz Bárbara
Entrada gratuita
Ingressos disponíveis no site.

Sobre o MCI      

Localizado na capital paulista, o Museu das Culturas Indígenas (MCI) é uma instituição da Secretaria da Cultura, Economia e Indústria Criativas do Estado de São Paulo, gerida pela ACAM Portinari – Organização Social de Cultura, em parceria com o Instituto Maracá e o Conselho Aty Mirim.    

Museu das Culturas Indígenas

Endereço: Rua Dona Germaine Burchard, 451, Água Branca – São Paulo/SP
Funcionamento: de terça a domingo, das 9h às 18h; às quintas-feiras até às 20h; fechado às segundas-feiras (exceto feriados)
Telefone: (11) 3873-1541
E-mail: contato@museudasculturasindigenas.org.br
Site: www.museudasculturasindigenas.org.br     

Redes sociais    
Instagram (@museudasculturasindigenas)
Facebook (/museudasculturasindigenas)
Twitter (@mcindigenas)
YouTube (@museudasculturasindigenas

AGÊNCIA GALO
Assessoria de Imprensa – Museu das Culturas Indígenas
contato@agenciagalo.com
Laiz Sousa
(11) 98184-4575
laiz.sousa@agenciagalo.com

IMPRENSA      

Secretaria da Cultura, Economia e Indústria Criativas do Estado de São Paulo
Assessoria de Imprensa
(11) 3339-8062 / (11) 3339-8585
(11) 99370-2761 – Plantão
imprensaculturasp@sp.gov.br
Acompanhe a Cultura: Site | Facebook | Instagram | Twitter | LinkedIn | YouTube

BUSCAR

Todos os direitos reservados © Museu das Culturas Indígenas 2023 | Desenvolvido por Inova House